Um pentacampeão com fome de títulos

A seleção brasileira dispensa qualquer apresentação. Recordista de presenças e títulos mundiais, chega à Rússia com uma presença vincada na primeira linha de favoritos à conquista do troféu Jules Rimet.

O CALENDÁRIO

O Brasil estreia-se no campeonato do mundo frente à Suíça, a 17 de junho. Cinco dias depois defronta a Costa Rica e fecha a fase de grupos diante da Sérvia, a 27 de junho.

Se não houver surpresas, a seleção brasileira vai fechar a primeira fase da caminhada em solo russo na liderança do grupo E. Daí em diante, é "mata mata", como diz Scolari.

Fabrizio Bensch

O HISTÓRICO

A seleção canarinha é a mais titulada em campeonatos do mundo. Soma um total de cinco conquistas (1958, 1962, 1970, 1994 e 2002), três das quais patrocinadas pela genialidade de um tal de Pelé.

No México'70, Pelé voltou a ser determinante. O Brasil conquistava o tri com uma goleada sobre a Itália (4-1), com a lenda da canarinha a marcar um e a assistir para golo em duas ocasiões

No México'70, Pelé voltou a ser determinante. O Brasil conquistava o tri com uma goleada sobre a Itália (4-1), com a lenda da canarinha a marcar um e a assistir para golo em duas ocasiões

Além do penta, os brasileiros são a única seleção que participou em todas as fases finais de todos os campeonatos do mundo: 21, no total.

Em 2002, a estrela maior da constelação brasileira foi Ronaldo, "O Fenómeno"

Em 2002, a estrela maior da constelação brasileira foi Ronaldo, "O Fenómeno"

AI Project

A FIGURA - NEYMAR

Depois da grave lesão sofrida no Paris Saint-Germain, o astro brasileiro esteve em risco de falhar o Rússia'2018. Mas o pior dos cenários não se veio a confirmar e o craque do PSG deverá figurar entre os jogadores em maior destaque neste Mundial.

Carl Recine

Aos 26 anos, soma já 83 internacionalizações e 53 (!) golos. O faro para o golo e uma qualidade técnica de níveis avassaladores fazem de Neymar a maior esperança do povo brasileiro em voltar da Rússia com a taça a bordo.

Yves Herman

Autor: André de Jesus